domingo, 11 de novembro de 2007

is an accident waiting to happen 00:56



_ Hello, stranger.

3 comentários:

Bruno Machado disse...

Closer é muito desesperador.
O final me mata do coração.

Daniela Kopsch disse...

Trecho de crítica tirada de algum lugar (depois ele mesmo cita as fontes) e enviada por Fernando Gomes:

"Closer é um tapa na cara de quem usa o cinema como combustível para fantasias escapistas de romances maravilhosos. Não é que o amor não exista, mas é inegável que "Closer" advoga muito bem a afirmação contrária" (... Pois o que você imagina que irá acontecer quando se apaixonar? O que espera ganhar? Você quer que a pessoa torne-se parte de você? Que a companhia dela seja o bastante? E se, por acaso, um de vocês desistir ou mudar de opinião? o que realmente nos leva à fidelidade sexual, de qualquer jeito? Você estaria disposto a arrasar a pessoa que você arrastou para sua ilusão de como a felicidade deveria ser, apenas para tentar ver se você consegue ser apenas um pouquinho mais feliz com outra pessoa? Isso é correto? E quando contamos a verdade, somos mais heróicos do que quando mentimos, mesmo que a verdade irá arrasar vidas e corações para sempre? Será? ...)"

Daniela disse...

Passou hoje na Globo.

Uau.
Wall.
Wow.

Pena que dublado é difícil de engolir.